Chi kung: o lado terapêutico do tai chi chuan

O chi kung possui uma grande variedade de técnicas e aplicações, todas elas utilizando movimentos corporais sutis e fluidos

chi kung (qi gong) é uma prática ligada ao exercício do cultivo de energia, que visa conservar uma mente sadia e promover a saúde. De acordo com o professor Jaime Kuk, especialista em práticas terapêuticas corporais, o chi kung possui uma grande variedade de técnicas e aplicações, todas elas utilizando movimentos corporais sutis e fluidos. A mais conhecida no Brasil é a prática do tai chi chuan, originalmente uma arte marcial.
“O chi kung terapêutico é projetado para os praticantes se trabalharem e harmonizarem a circulação energética. No Brasil, a palavra chi kung ainda não é bem conhecida. Algumas pessoas conhecem o tai chi chuan, outras conhecem o lian kung, e aqueles que ouvem falar em chi kung acham que é uma outra coisa diferente, mas a verdade é que é tudo chi kung. O tai chi chuan é um chi kung marcial, o lian kung é um chi kung terapêutico, tudo é chi kung”, explica o professor.

Créditos