Namu é

Conheça mais sobre o NAMU

Receitas

Wrap de couve com patê de sementes germinadas

Saiba mais sobre

Abacate: fonte de saúde e beleza

Nutritiva e rica em vitaminas, a fruta pode ser consumida em sobremesas, molhos, saladas e pratos quentes

skeeze / Pixabay / CC0 Creative Commons

Diferentemente de muitos países sul-americanos, a fruta é consumida no Brasil como uma iguaria doce

Nativo da América Central, o abacate (Persea americana Mill) fez parte da alimentação e da cultura dos povos astecas e maias, os quais apresentavam muito conhecimento da fruta e de suas variedades. Para eles, o abacate era mais que um alimento essencial, pois acreditavam que ele possuía propriedades afrodisíacas. Seu nome deriva da palavra awa'katl, que em náuatle, língua falada pelos astecas, significava testículo. Estudiosos acreditam que a fruta teve origem na região que hoje compreende o México e a Guatemala. Ela foi trazida ao Brasil em 1809, onde encontrou boas condições de cultivo em todo o país, principalmente na região Sudeste.

De porte médio, o abacateiro atinge entre 12 a 25 metros de altura. São conhecidas mais de 500 variedades da fruta entre as espécies mexicana (pequena, com formato de pera e caroço relativamente maior do que a polpa), guatemalteca (caroço preso à polpa e formato redondo) e antilhana (grande e com formato de pera). No Brasil, as variedades mais comercializadas são: fortuna, breda, margarida, quintal e geada. México, Indonésia, República Dominicana, Estados Unidos, Colômbia, Peru, Quênia, Chile, Brasil e Ruanda são os principiais produtores mundiais de abacate de acordo com o Instituto Brasileiro de Qualidade em Horticultura – HortiBrasil.

Abacate (Persea amercana)

Benefícios

O abacate é muito nutritivo, pois possui gorduras saudáveis, calorias do melhor tipo, fibras e poucos carboidratos. Ele é rico em vitaminas A, K, C, B1, B2, B3, B6, E, potássio, magnésio, ferro, fósforo, zinco e folato. “Sua alta quantidade de antioxidantes ajuda a prevenir o envelhecimento precoce e fortalece o sistema imunológico contra pequenos resfriados e infecções. Além disso, suas fibras solúveis e insolúveis ajudam na redução do colesterol e controle do açúcar do sangue. De fato, a lista de benefícios fisiológicos é interminável”, afirma o nutricionista Eduardo Corassa. O abacate auxilia também na regulação da pressão arterial.

A gordura do abacate traz uma sensação de saciedade, mas é necessário consumi-lo na medida certa. “Eu oriento sempre a diminuição do consumo de gordura como um todo. Apesar de as gorduras vegetais integrais serem mais saudáveis que as animais ou refinadas, a população ainda as consome bastante. Acredito que 150 gramas de abacate por dia ou um terço de um abacate pequeno são suficientes para obter os valores nutricionais ideais”, afirma Corassa.

Engana-se quem acredita que as propriedades só se encontram na polpa da fruta. O chá das folhas do abacate pode ser utilizado para aliviar dores de cabeça, fadigas e regular as funções intestinais. Para as mulheres que sofrem com cólicas durante o período pré-menstrual,a bebida diminui as dores e melhora o humor. Rouquidão, bronquite, tosse e dores musculares são outros exemplos de problemas que podem ser suavizados com o consumo do chá.

A maneira mais comum de consumir o abacate é in natura. A maioria dos países latino-americanos o ingerem em fatias em refeições quentes, saladas e molhos, como o guacamole, famosa receita mexicana que leva abacate, tomate, cebola, condimentos e limão. As folhas da fruta são usadas para envolver carnes, peixes e substituir o pão das tortilhas em alguns pratos. Já no Brasil, o abacate é consumido batido com frutas, sobremesas ou com açúcar.

Os benefícios do abacate para o corpo vão além de suas funções nutricionais e antioxidantes. Por ser rico em nutrientes, ele é muito utilizado como base para máscaras e cremes hidratantes. As vitaminas A e E fortalecem e previnem a queda dos fios de cabelo, além de estimular a produção de colágeno, proteína fundamental para a saúde da pele.

Aprenda como preparar um delicioso guacamole


Veja também
Conheça os benefícios do caqui
Goiaba: a saúde e o sabor das Américas
Jabuticaba: a saúde dos nossos quintais
Abiu, uma delícia amazônica

Foto 2: Plant Illustrations